Olá! Bem vindo!

Meu nome é Bruno. Desejo que você encontre aqui algum texto que possa lhe oferecer ajuda e lhe trazer boas reflexões. Deus abençoe.

Se quiser conversar, desabafar, dar testemunho ou divulgar alguma pregação/mensagem; mande um e-mail para: mendeson@gmail.com

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

Mensagens para casais 2: A união como Deus deseja - O cordão de três dobras

(Foto: 3_dobras.jpg Foto pertencente ao Mania Cristã)


“Se alguém prevalecer contra um, os dois lhe resistirão; e o cordão de três dobras não se quebra tão depressa.” (Eclesiastes 4.12)


Existe uma passagem no livro de Eclesiastes que comenta a respeito de um cordão que não se pode romper com facilidade quando este possui três dobras. Afinal, o que representa esta mensagem para as nossas vidas? Seria esta capaz de nos trazer algum significado para os dias de hoje?

Na segunda mensagem para casais apresentamos a mensagem: O CORDÃO DE TRÊS DOBRAS. Com esta oferecemos aos casais de namorados, noivos, jovens casados e adultos casados. Desejamos que o seu relacionamento venha crescer a cada dia. E esperamos que ela venha falar diretamente aos corações e lhe servir como grande entendimento na vida conjugal. Deus abençoe e tenham uma boa leitura!


DOIS É MELHOR DO QUE UM... O PODER DA CUMPLICIDADE


Ao começarmos este estudo iremos enfocar quatro versículos que estão praticamente que unidos em contexto:

“9 Melhor é serem dois do que um, porque têm melhor paga do seu trabalho.”

“10 Porque se um cair, o outro levanta o seu companheiro; mas ai do que estiver só; pois, caindo, não haverá outro que o levante.”

“11 Também, se dois dormirem juntos, eles se aquentarão; mas um só, como se aquentará? ’’

“12 E, se alguém prevalecer contra um, os dois lhe resistirão; e o cordão de três dobras não se quebra tão depressa.”

Durante todo o entendimento destas palavras, observamos que os versículos apontam o assunto para uma vida a dois. Então desta maneira vemos que DOIS é MELHOR do que UM é o mesmo que falar de cumplicidade e união. Ou seja, dois agüentar mais firme um peso.

Dois trabalhando conseguem sustentar melhor uma casa. Um casal é capaz de enfrentar problemas de grande escala quando ocorre um diálogo de mútuo acordo a fim de se achegar a uma solução. Sendo assim poderíamos até lembrar o ditado que diz: “ A união faz a “força”. Porque na verdade percebemos que quando um casal resolve unir-se em batalha contra algo, é mais fácil do que quando há somente um agindo. Uma resposta disto é o próprio versículo 10b:

(...) mas ai do que estiver só; pois, caindo, não haverá outro que o levante.”

Presumimos que uma queda é quase que inevitável em nossas vidas. Mas o papel do cônjuge é verdadeiramente LEVANTAR o outro. Levantar com palavras de ânimo, de incentivo, e de esperanças. Ora, o que faz um ser humano levantar todos os dias e viver? Ora se não são os seus sonhos e projetos de vida? Mas quem vai lhe dizer para continuar quando este achar que algo está perdido?


COMBATENDO A FRIEZA ESPIRITUAL...


É necessário também notar que a vida conjugal e sentimental passa por altos e baixos. Momentos ruins e momentos bons. Aonde só mesmo sabendo como agir para poderem manter o amor quente. Um dos momentos que um casal pode enfrentar é as tentações (no caso dos namorados e noivos). Aonde um pode possuir mais forças para ajudar o outro a passar. Aonde um diz “não” e consegue evitar que o pior aconteça. Como uma gravidez indesejada ou até mesmo a perda do orgulho e da estrutura espiritual que antes poderia possuir.

Podemos citar outro problema comum: O desvio. Ou seja, um resolve deixar a igreja por algum motivo. O papel do outro que ainda continua na igreja é simplesmente orar e incentivar PACIFICAMENTE o retorno a Casa de Deus.

“10 Porque se um cair, o outro levanta o seu companheiro(...)

O versículo 11, mostra um lado íntimo de um casal. Mas se percebermos podemos utilizá-lo como exemplo espiritual também:

“11 Também, se dois dormirem juntos, eles se aquentarão; mas um só, como se aquentará? ’’

Foi dito no assunto anterior que um possui o poder de incentivar o outro e lhe dar forças. Agora podemos entender que este “dormirem juntos” seria nada mais, nada menos do que “abraçarem uma causa juntos”, “lutar por um propósito em comum”. Aí sim haverá o calor da resposta aos problemas ou de qualquer outra coisa que lhes tirem a paz.


QUANDO É NECESSÁRIA UMA TERCEIRA DOBRA...


Um casal quando toma uma atitude em conjunto é bom. Isto é sinal de que existe o amor e também que existe uma concordância plena. O autor do livro de Eclesiastes mostra na parte “b” do versículo 12 o termo “cordão”. Este termo pode ser entendido também como união entre um homem e uma mulher. Um casal. Mas existem situações aonde seria necessário, vamos dizer: um “Conselheiro Conjugal ou Matrimonial”.

Como seria isto?

Vamos entender com um exemplo. Isto é muito visto na televisão hoje em dia. Situações aonde alguns casais procuram um especialista para conversarem a três os problemas de dois. As situações variam desde brigas intensas e insatisfações até adultério (e até outros). Um casal aí necessita realmente de uma ajuda extra. Esta ajuda extra é nada mais, nada menos do que a “terceira dobra” do cordão.

Mas por que isto?

Quantas vezes é necessário ter MUITA PACIÊNCIA com seu cônjuge? Capaz de suportar aquelas manias ou então aquele jeito que irrita? Puxa! Só de ler já começa a lembrar das situações! Pois é isto mesmo! E como se consegue passar por isto e viver bem em uma vida? O segredo está na parte “a” do versículo 12:

“12 E, se alguém prevalecer contra um, os dois lhe resistirão(...)

Prevalecer, segundo o dicionário Aurélio, possui muitos significados. Mas um deles é o “levar vantagem”. Este “Alguém” mencionado pode ser uma pessoa, uma eventualidade qualquer como uma briga, pode ser um dia em que o outro não está muito “conectado a você”, um problema de saúde, um desemprego ou qualquer outro sinistro. Em vista disto, o outro cônjuge entra em ação com sua função de AUXILIAR e juntar mais ainda forças com um Conselheiro para poder passar pelo problema como se fosse realmente uma corda firme para suspender um peso. E falando espiritualmente, este Conselheiro é Jesus Cristo. Ele é quem nos ajuda a dosar nossas atitudes em um relacionamento nos impedindo de falar o que não se deve e agir como se deve no dia e na hora certa. Ele nos ajuda a RESISTIR O ALGUÉM.


CONCLUSÃO


“12 (...) e o cordão de três dobras não se quebra tão depressa.”

“Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros, e se chamará o seu nome: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz.” (Isaías 9.6)

Um relacionamento com uma dobra mais rígida e poderosa é capaz de suportar muito. Mas notamos que no final do versículo há um porém: Não se quebra TÃO DEPRESSA. Isto significa que uma das dobras pode se romper ou até mesmo as duas. Jesus como a terceira dobra, nunca se quebra. Portanto o cordão deve ficar centralizado na terceira dobra. Assim é mais fácil de evitar um rompimento no relacionamento. Então aqui vai um segredo: A única forma vista de se passar por dificuldades e ainda manter o relacionamento em harmonia e em paz é só mesmo com o AMOR. Só mesmo com Jesus Cristo. Esta é a união que o Senhor Deus quer de um casal. Uma união a três dobras. Homem, mulher e Deus.


PENSEM NISTO.


Deus abençoe e até a próxima!

Ajude a melhorar o blog! Comente suas opiniões conosco!

Mania Cristã. Nosso Orgulho. Seu blog!

Um comentário:

kaline mayara disse...

Olhah,eu achei bastante interessante esse blog de vcs,dar muita força a um casal q está com um problema quase sem solução.
QUE DEUS OS ABENÇOE TAMBM!E Q VCS CONTINUEM PASSANDO P/ A GENTE ESSAS MENSAGENS MARAVILHOSAS!!!!!

Publicidade: