Olá! Bem vindo!

Meu nome é Bruno. Desejo que você encontre aqui algum texto que possa lhe oferecer ajuda e lhe trazer boas reflexões. Deus abençoe.

Se quiser conversar, desabafar, dar testemunho ou divulgar alguma pregação/mensagem; mande um e-mail para: mendeson@gmail.com

domingo, 8 de abril de 2012

Páscoa - A festa



 

Fala aí pessoal! Chegou o dia da páscoa! Vamos aproveitar para dar uma escapadinha da dieta e comer chocolates! Vamos distribuir bombons, barras e ovos de chocolate  para geral! Pois afinal de contas é páscoa! É dia de presentear quem nós gostamos com  tudo aquilo que podemos dar!

Beleza! Show de bola toda esta comunhão com amigos, parentes, namorado(a)... Mas será que o dia que normalmente comemora-se em abril é apenas um dia em que a indústria de chocolates e brinquedos faturam rios de dinheiro com peças cada vez mais caras para que nós venhamos gastar nosso dinheiro? É somente um dia benéfico para o comércio?

Galera, nesta mensagem quero deixar um ponto de opinião sobre este dia ora citado na Bíblia, ora comemorado no passado de uma forma e agora de outra.

ORIGEM - A FORMA ORIGINAL DE SE COMEMORAR
E falou o SENHOR a Moisés e a Arão na terra do Egito, dizendo:
Este mesmo mês vos será o princípio dos meses; este vos será o primeiro dos meses do ano.
Falai a toda a congregação de Israel, dizendo: Aos dez deste mês tome cada um para si um cordeiro, segundo as casas dos pais, um cordeiro para cada família.
Mas se a família for pequena para um cordeiro, então tome um só com seu vizinho perto de sua casa, conforme o número das almas; cada um conforme ao seu comer, fareis a conta conforme ao cordeiro.
O cordeiro, ou cabrito, será sem mácula, um macho de um ano, o qual tomareis das ovelhas ou das cabras.
E o guardareis até ao décimo quarto dia deste mês, e todo o ajuntamento da congregação de Israel o sacrificará à tarde.
E tomarão do sangue, e pô-lo-ão em ambas as ombreiras, e na verga da porta, nas casas em que o comerem.
E naquela noite comerão a carne assada no fogo, com pães ázimos; com ervas amargosas a comerão.
Não comereis dele cru, nem cozido em água, senão assado no fogo, a sua cabeça com os seus pés e com a sua fressura.
E nada dele deixareis até amanhã; mas o que dele ficar até amanhã, queimareis no fogo.
Assim pois o comereis: Os vossos lombos cingidos, os vossos sapatos nos pés, e o vosso cajado na mão; e o comereis apressadamente; esta é a páscoa do SENHOR
Êxodo 12:1-11

 

Como se pode facilmente pesquisar na internet ou TAMBÉM LENDO A BÍBLIA, A Páscoa significa passagem. Passagem de uma vida de escravidão para uma vida de liberdade. "Pessach" do original hebraico lembra um pouco "passagem" mesmo no português brasileiro. Onde no qual o Senhor Deus apressou a turma para participarem de um culto especial familiar onde comeram uma determinada comida seja em uma casa ou juntamente com um vizinho, dependendo do tamanho de cabeças para comer. E era um jantar onde comeriam como se estivessem que se aprontar para uma guerra. Vejam: É uma festa fúnebre. Sem tempo para colocar o papo em dia e para dar risadas. Era comer e esperar a liberdade. Era uma verdadeira Independência do povo judeu.
E este dia vos será por memória, e celebrá-lo-eis por festa ao SENHOR; nas vossas gerações o celebrareis por estatuto perpétuo.
Sete dias comereis pães ázimos; ao primeiro dia tirareis o fermento das vossas casas; porque qualquer que comer pão levedado, desde o primeiro até ao sétimo dia, aquela alma será cortada de Israel.
E ao primeiro dia haverá santa convocação; também ao sétimo dia tereis santa convocação; nenhuma obra se fará neles, senão o que cada alma houver de comer; isso somente aprontareis para vós.
Guardai pois a festa dos pães ázimos, porque naquele mesmo dia tirei vossos exércitos da terra do Egito; pelo que guardareis a este dia nas vossas gerações por estatuto perpétuo.
No primeiro mês, aos catorze dias do mês, à tarde, comereis pães ázimos até vinte e um do mês à tarde.
Por sete dias não se ache nenhum fermento nas vossas casas; porque qualquer que comer pão levedado, aquela alma será cortada da congregação de Israel, assim o estrangeiro como o natural da terra.
Nenhuma coisa levedada comereis; em todas as vossas habitações comereis pães ázimos.
Chamou pois Moisés a todos os anciãos de Israel, e disse-lhes: Escolhei e tomai vós cordeiros para vossas famílias, e sacrificai a páscoa.
Então tomai um molho de hissopo, e molhai-o no sangue que estiver na bacia, e passai-o na verga da porta, e em ambas as ombreiras, do sangue que estiver na bacia; porém nenhum de vós saia da porta da sua casa até à manhã.
Porque o SENHOR passará para ferir aos egípcios, porém quando vir o sangue na verga da porta, e em ambas as ombreiras, o SENHOR passará aquela porta, e não deixará o destruidor entrar em vossas casas, para vos ferir.
Portanto guardai isto por estatuto para vós, e para vossos filhos para sempre.
E acontecerá que, quando entrardes na terra que o SENHOR vos dará, como tem dito, guardareis este culto.
E acontecerá que, quando vossos filhos vos disserem: Que culto é este?
Então direis: Este é o sacrifício da páscoa ao SENHOR, que passou as casas dos filhos de Israel no Egito, quando feriu aos egípcios, e livrou as nossas casas. Então o povo inclinou-se, e adorou.
E foram os filhos de Israel, e fizeram isso como o SENHOR ordenara a Moisés e a Arão, assim fizeram.
Êxodo 12:14-28

FORMA ATUAL

Bom, vemos que pães amargos e cordeiro fazia parte do cardápio da festa original imposta por Deus como memória do dia em que houve libertação de uma escravidão do povo judeu. Mas hoje em dia vemos que este costume nem sequer causa mais reflexão em muitas pessoas. Caiu em esquecimento com o passar dos anos ou nem sequer foi passado este conhecimento.  Isto pode parecer mera ilusão ou coincidência, mas na verdade tem muita base para acreditarmos que ovos de páscoa, coelhos são símbolos pagãos da antiguidade encorporados em puro marketing e luxo compartilhados em famílias no mundo todo.

ORIGEM DO OVO DE PÁSCOA E DO COELHO COMO SÍMBOLO À PÁSCOA

Em inglês "Happy Easter" e alemão "Frohe Ostern" difundem feliz páscoa trazendo a curiosidade sobre a origem sobre a palavra Easter e Ostern. Pois bem, compare abaixo estas quatro imagens:

Imagem 1:



Imagem 2:



Imagem 3:



Imagem 4:



 

Percebam que todas as imagem tem uma espécie de coelho ou lebre envolto ou próximo de uma figura feminina. Na imagem 3 vemos ainda mais claro uma mulher pintando ovos numa cartela. Estas imagens encontradas facilmente na internet são representações de Ostera ou Ostara ou Eostre  ou Istha. Esta é considerada a deusa da primavera e da fertilidade.  Segundo fontes do wikipedia e diversas outras pesquisadas sua origem é da mitologia nórdica e também germânica. Se comemorava na passagem do inverno para a primavera presenteando as pessoas com ovos coloridos com diversas pinturas e também havia grande menção ao coelho ou a lebre, dito como um grande símbolo de reprodução e felicidade sexual devido a sua alta capacidade de ter muitos filhotes. O presente representava o desejo ao próximo com uma grande abundância na colheita e também boa continuidade de sua geração. A deusa Ostera representa o renascimento segundo a mitologia.

http://pt.wikipedia.org/wiki/P%C3%A1scoa

http://pt.wikipedia.org/wiki/Eostre

 

PÁSCOA PARA OS CRISTÃOS ATUALMENTE - MEU PONTO DE VISTA

 

Pessoal, meu ponto de vista se resume em alguns aspectos básicos:

1- Não comemoramos a páscoa original comendo pães amargos e carne como lembrança de uma amarga vida de cativeiro no Egito;

2- O Senhor Jesus Cristo transformou a Páscoa em uma ceia. A ceia do Senhor, conhecido no popular: Santa Ceia. Fazemos memória do corpo e do Sangue do Senhor. Pois ele nos trouxe como filhos de Deus. Apesar de não sermos Israel ou hebreu, somos de nossas próprias línguas ou nações, mas adotados por Ele.
Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo;
Como também nos elegeu nele antes da fundação do mundo, para que fôssemos santos e irrepreensíveis diante dele em amor;
E nos predestinou para filhos de adoção por Jesus Cristo, para si mesmo, segundo o beneplácito de sua vontade,
Efésios 1:3-5

3-Ovo ou coelho na época da páscoa representa sim uma menção a Ostera. Infelizmente ficou complicado não participar desta época devido a inteligência humana de que o chocolate é algo irresistível. Eu sou chocólotra, mas não faço memória a Ostera, nem desejo fertilidade ou vida próspera na passagem de uma estação do ano para outra. Desejo sim que você, eu, todos nós venhamos a ser abençoados e SIM pelo nosso CRIADOR que criou TODAS AS COISAS, inclusive o coelho e o ovo e inclusive em todas as estações do ano e em todas as situações das nossas vidas. Coma chocolate dentro e fora da época, pois faz bem para o paladar, tem fontes por aí que dizem que acalma,engorda infelizmente, mas faça isto puro e simplesmente por prazer carnal. Que no qual quando não há gula é totalmente considerado por Deus.

4- E por último: Pascoa e chocolate não tem nada a ver. Chocolate é um doce qualquer. Coma chocolate independendo do formato que ele seja.  E Jesus Cristo nos abriu passagem para uma vida de santidade através dele, onde no qual nós podemos em seu nome sermos chamados de Filho de Deus. Onde no seu nome podemos pedir as coisas ao Pai, Onde que através dele podemos chegar até Deus. Isto sim devemos lembrar todos os nossos dias.

Valeu!

Bruno Mendeson

Equipe Mania Cristã

www.maniacrista.com.br

*Política de Cópia ou publicação de textos deste Site:
O material aqui divulgado é totalmente livre. Só pedimos que as MENSAGENS sejam copiadas com os créditos do nosso site. Obrigado por nos visitar!*

Nenhum comentário:

Publicidade: